Guia de Instalação Arch Linux

Antes de começar o nosso passo a passo, realize o download da ISO do Arch Linux aqui.

Feito o download vamos criar o pendrive de boot utilizando o aplicativo Rufus.

https://s3-us-west-2.amazonaws.com/secure.notion-static.com/47ec97dd-fa83-4e5f-b352-4cd59d9d3245/Untitled.png

Instalação:

Existe uma forma mais facil de instalar o archlinux em seu PC, depois de inicializar com seu pendrive bootavel, basta digitar o comando archinstall, pois este é um script em modo texto que irá te guiar a instalar o arch, ou você também pode instalar no hardmode seguindo o tutorial abaixo.

  1. Vamos dar o boot e o primeiro comando para verificar a conexão com a internet, pois o arch linux necessita que você tenha conexão com internet:
ping -c4 linuxupdate.com.br
  1. Agora vamos mapear o tipo de teclado no caso ABNT2:
loadkeys br-abnt2 
  1. Particionamento de disco
lsblk

ou

fdisk -l

Por fim para podemos particionar a nossa unidade de armazenamento seja ele um HD ou um SSD irei utilizar o CFDISK:

cfdisk /dev/sda escolher gpt ou digite apenas cfdisk caso você tenha apenas um HD/SSD.

  • primeira partição de 500MB com o Type BIOS boot
  • para o restante crie partição / com type Linux filesystem.

https://s3-us-west-2.amazonaws.com/secure.notion-static.com/9226715d-6ac2-4a23-9269-d64860bc8b5d/Untitled.png

Para salvar a tabela de particionamento vá até opção Write e depois sai do CFDISK.

  1. Formatar as partições:
mkfs.fat -F32 /dev/sda1
mkfs.ext4 /dev/sda2
  1. Agora vamos montar o sda2 em /mnt:
mount /dev/sda2 /mnt/
  1. Vocês se lembram que lá no começo desse artigo eu falei que o Arch necessita de conexão com a internet então essa é a hora em ele irá baixar todos os pacotes inclusive o kernel, para isso vamos digitar o comando abaixo:
pacstrap /mnt base base-devel linux linux-firmware
  1. Logo após a instalação dos pacotes devemos criar o arquivo fstab.
genfstab -U /mnt >> /mnt/etc/fstab

para visualizar o arquivo criado digite o comando cat /mnt/etc/fstab.

  1. Agora podemos fazer algumas configurações com o comando arch-chroot:
arch-chroot /mnt /bin/bash

Você pode verificar se tudo está instalado digite uname -a.

Para prosseguir com configuração instale um editor de texto de sua preferência no meu caso irei utilizar o nano e instale também o Networkmanager:

pacman -S vim nano networkmanager
  1. Configurando a hora do sistema:
ln -sf /usr/share/zoneinfo/America/Sao_Paulo /etc/localtime
ls -l /etc/localtime
hwclock --systohc
date

Com o seu editor de texto de sua preferência edite o arquivo locale localizado no diretório /etc, e descomente a linha pt_BR.UTF-8 UTF-8

nano /etc/locale.gen

Configure o arquivo locale.conf, pois dentro do arquivo deverá conter as variaveis de ambiente export LANG="pt_BR.UTF-8" depois salve e sai do arquivo e digite locale-gen para validar as configurações.

  1. Edite os arquivos hostname e o hosts e defina o nome da sua maquina:

nano /etc/hostname - <nome da maquina>

nano /etc/hosts
  127.0.0.1      localhost
	::1            localhost
	127.0.1.1      <nome-do-pc>

Para que a rede funcione corretamente logo a após o reboot da maquina, será necessario que execute o comando abaixo

# systemctl enable dhcpcd
  1. Estamos quase termindo a nossa instalação do arch linux, agora devemos definir uma senha para o usuário root com o comando passwd.
  2. Instalação e configuração do gerenciador de boot no caso vamos instalar o Grub.
pacman -S grub
pacman -S os-prober efibootmgr
grub-install /dev/sda
grub-mkconfig -o /boot/grub/grub.cfg

Agora vamos criar o nosso usuário (no meu caso ele vai se chamar palamar) e após vamos colocar ele para pertencer ao grupo admin e setamos uma senha para ele.

useradd palamar -m
gpasswd -a palamar wheel
passwd palamar

(Opcional) Se você irá instalar uma interface gráfica, seria interessante colocar seu usuário ao seguintes grupos:

gpasswd -a palamar sys
gpasswd -a palamar lp
gpasswd -a palamar network
gpasswd -a palamar video
gpasswd -a palamar optical
gpasswd -a palamar storage
gpasswd -a palamar scanner
gpasswd -a palamar power

agora podemos sair do modo arch-chroot com comando exit.

  1. Por fim podemos desmontar as unidades montadas em /mnt com o comando umount -R /mnt, e agora podemos renicializar o PC com o comando rebootou shutdown -h now.

Instalando a interface gráfica

Antes de iniciar vire root/ ou logue com root

**su**

Para instalação do nosso servidor X vamos usar o Xorg

Vamos instalar então nosso xorg e suporte ao nosso teclado e mouse

**pacman -S xorg-server xorg-apps**

Se estiver instalando em um notbook vai querer suporte ao touchpad

**pacman -S xf86-input-synaptics**

Continuando…

**pacman -S xorg-xinit xorg-twm xterm xorg-xclock**

Você pode usar o seguinte comando para tentar identificar sua placa de video e saber qual drive de video instalar.

**lspci | grep -e VGA -e 3D**

Instale o drive correspondente a sua placa:ATI/AMD (radeon)

**pacman -S xf86-video-amdgpu**

INTEL

**pacman -S xf86-video-intel**

NVIDIA

**pacman -S xf86-video-nouveau**

GENÉRICOS

**pacman -S xf86-video-fbdev# 
pacman -S xf86-video-vesa**

VIRTUALBOX

**pacman -S xf86-video-fbdev virtualbox-guest-utils virtualbox-guest-modules-arch**

*OBS: Para instalar os drivers de video no virtualbox, você deverá insir a midia de adicionais do virtualbox e depois montar o dispositivo:

mount /dev/sr0 /mnt
./mnt/VBoxLinuxAdditions.run

Agora você poderá instalar a sua interface gráfica da sua preferência, no meu caso irei instalar o KDE plasma:

pacman -S plasma

Instale também o gerenciador de Login da sua preferência no meu caso escolhi instalar o GDM:

pacman -S gdm
systemctl enable gdm
reboot

Company

PostsCareersContato

Install App

©2022 Aleksander Palamar. All rights reserved | CNPJ 26.328.604/0001-55